Logo Vou de Kombi

nosso diário de viagem

28FEV2014

Fronteira de Honduras‏

HONDURAS
Fronteira de Honduras‏

Os trâmites em Honduras são simples, rápidos, seguem o padrão:
Visto do passaporte na imigração;
Na Aduana, preenche-se os documentos de importação temporária e paga-se 35 dólares pelo seguro SOAT. Como em todas as outras aduanas, aqui também exigem cópias do passaporte, da licença para dirigir e dos documentos do carro. Não fazem vistoria do veiculo.

Simples assim, entramos em Honduras.

Depois de fazer a fronteira, seguimos direto para Tegucigalpa, pois a polícia indicou que Valle de Angelis era um lugar bonito e tranquilo para estar com o carro. Seguimos para lá. O clima antes caliente foi-se abrandando e tomando ares de montanha.

Valle de Angelis é de de fato um lugar lindo e bastante tranquilo. Honduras é um pouco menos pobre que a Nicarágua. É um país bonito com poucos turistas. Os hondurenhos são amáveis e mostram desejo de que os viajantes mudem as ideias que trazem a seu respeito. Segundo eles, sofrem com a consequência da má fama que, com o correr dos anos, lhe deram os meios de comunicação.

Fomos bem acolhidos em Honduras, embora nosso plano de viagem prevesse poucas paradas no país.

Seguimos viagem para Copán, onde pernoitamos. Na manhã seguinte visitamos o parque e seguimos para a fronteira com a Guatemala.

COMENTÁRIOS

jose e Olinda 03/04/2014

Muito bom terem passado por esse país e aproveitarem para curtirem a viagem. Legal.

COMENTE!

Criação de Sites: Trupe Agência Criativa Trupe Agência Criativa